Espeta um ramo de roseira numa batata e... Nem vais acreditar no resultado!

Se quiseres decorar o teu jardim com umas roseiras lindas, mas não queres gastar um monte de dinheiro para comprar todas as mudas necessárias, vê um simples truque que podes poupar muito dinheiro e, ao mesmo tempo, irás garantir um resultado final acima das melhores expectativas.
Obter a partir dos galhos cortados umas roseiras é possível, mesmo que não sejas uma grande especialista de jardinagem.
Basta ter um pouco de tempo disponível e seguir passo a passo as instruções dadas aqui.


Se os teus amigos ou vizinhos tiverem uma ou mais espécies de rosas particularmente lindas que também queres, é só pedires com gentileza alguns galhos dessas plantas.
Normalmente, para plantar os galhos cortados estes são mergulhados na água, no lado do corte, mas nesta prática geralmente não dá bons resultados e somente um pequeno número de galhos consegue botar raízes.
A multiplicação das plantas de rosa a partir das estacas requer um pouco mais de atenção para que seja bem sucedida.
Basta teres uma batata ao teu dispor para aumentares suas chances de conseguires uma bela roseira partindo um simples galho cortado.

Antes de tudo, pega um ou mais vasos de preferência de cerâmica e enche-os com solo rico em nutrientes misturado com pouca areia de rio para aumentar a drenagem.
Escolhe uma planta de rosa que adoras particularmente e pega num galho não muito comprido fazendo um corte diagonal.
Com delicadeza remove as folhas e os espinhos e quaisquer galhos ligados ao principal.
Pega num prego limpo ou num objeto similar pontiagudo e faz no centro da batata um furo cego.
Posiciona dentro da cavidade o galho lembrando de inserir somente um galho para cada tubérculo.
Coloca a batata no terreno e cobre-a completamente com o solo.
Rega bastante e lembra-te de manter sempre o solo húmido mas não exageres ou caso contrário correrás o risco de criar um terreno encharcado.

Coloca os vasos numa área sem muito vento e longe da luz solar direta que poderia inibir o enraizamento das estacas.
Depois disso, só falta esperar que os galhos criem raízes e comecem a germinar lentamente.
Para veres os resultados deverás esperar entre seis a cerca de vinte dias.
As novas mudas podem então ser transplantadas para outro local, dependendo das tuas necessidades, mas somente quando terão formado raízes fortes o suficiente para sobreviver e reagir de forma ideal a uma mudança.

Se quiseres proteger as mudas de flutuações climáticas excessivas ou outras adversidades, podes colocar em torno de cada estaca uma garrafa cortada ao meio em horizontal, criando, assim, uma espécie de mini-estufa.
Com este método extremamente simples e eficaz podes obter todas as roseiras que quiseres baratinho.
Basta cortar alguns galhos das variedades que preferires e prosseguir como indicado.
Também as espécimes que são mais difíceis de encontrar ou cultivar podem ser reproduzidas com este simples sistema caseiro.
Comentários

Durante a gravidez consumir disto poderá afectar gravemente o coração do bebé! É importante que tenhas conhecimento!

Que o açúcar é um dos mais nocivos e actuais venenos, não há dúvida e de dia para dia surgem novas investigações que...


85